5 de out de 2011

Steve Jobs

Bom, não vou conseguir passar essa sem escrever alguma coisa.

 

Ele e (gostem ou não) Bill Gates inventaram (ou viabilizaram) o mais revolucionário de todos os "eletrodomésticos": o computador pessoal. Sua visão, altamente progressista, permitiu que o indivíduo pudesse de maneira fácil ter uma estação de trabalho. É impossível imaginar hoje uma empresa sem computadores ou uma casa sem acesso à internet.

Aliás, o PC é um dos maiores fomentadores da democracia. Diferentemente da TV, que não permite resposta a um estímulo, o usuário tem na rede mundial de computadores um meio para expressar livremente seu pensamento.

Temos que lembrar também que a Apple construiu os melhores computadores de mesa dos anos 80 e 90. Estas máquinas, caras e inacessíveis para o cidadão comum, eram extremamente eficientes em processamento gráfico. Abriram as portas para uma nova era do audiovisual, design e produção editorial se tornando a principal ferramenta de finalizadores de vídeo, artistas gráficos e publicitários. A prova disso é a Pixar que reinventou a animação com o uso do computador.

Outro feito dele foi seu espírito de liderança e método de gestão empresarial. Ele conseguiu transformar a marca de sua empresa em objeto de veneração e, a cada lançamento de um produto, o auditório da Apple vira a "Meca" dos vidrados em tecnologia. Hoje a maçã mordida está entre as 10 marcas mais valiosas do mundo sendo que antes tinha significado para apenas alguns profissionais e ricaços com bolsos abarrotados de dinheiro.

Acho bobagem essa coisa de IPod, Iphone e outros sonhos de consumo fantasiosos. Mas não acho que é hora de listar defeitos, mas sim exaltar feitos. Não foi um Deus como muitos citam. Mas mudou seu mundo. Steve Jobs foi um grande homem. Não há como negar.

É isso…

P.S.: A foto mostra que um homem de bigode é sempre digno de admiração. :-)

Rock In Rio 2011

cidade do rock

Depois de 7 dias de Rock In Rio dá pra falar com propriedade sobre a minha opinião. Na verdade, eu queimei a língua em muitos aspectos. O festival teve alguns pontos emocionantes, como o primeiro show de Milton Nascimento cantando "Love Of My Life", do Queen e o histórico show do Stevie Wonder. Tivemos também a grata surpresa das bandas de Metal que arrebentaram e praticamente carregaram o festival nas costas.

Mas não foram só glórias. Não mesmo.

Pra começar, a transmissão do Multishow pela TV foi sofrível. OK! É dificil mesmo cobrir aquela zona no "ao vivo" durante 7 horas por dia. Mas faltou planejamento por parte do canal. Os apresentadores sistematicamente tinham que enrolar alguma informação sem sentido que o diretor chuchava no TP. A encheção de linguiça foi tão grande que a Luiza chegou a perguntar pro cara do SlipKinot "de onde vinha a idéia das máscaras?". A resposta foi a altura: "Sério??? Você não tem nada melhor pra me perguntar?". Aliás, seria mais divertido se o multishow assumisse que é um canal que, no melhor que faz, dá play em produções estrangeiras e em clipes para quem tem 14 anos ou menos, e colocasse aquelas duas ex BBB´s pra apresentar o evento. Ia ser legal não desapontar os fãs órfãos de Sexytime durante os dias de rock. Fico triste pela Didi Wagner que é excelente jornalista e, infelizmante fez parte da transmissão.

Se a transmissão foi ruim, o que diremos dos shows de Axé? Vi recentemente no Facebook um movimento para inserir um dia de rock no carnaval de Salvador. Seria lindo ver aquela multidão axézeira pulando ao som de Motorhead. Gostaria de ver Salvador ser "cabeça aberta" e receber rock no carnaval. Para, né? Para de show que a Xuxa é loira! Isso é um festival de Rock! Claudia Leitte não só fez um show de Axé, como fez um show péssimo e ainda chamou os Metaleiros, fãs do Metállica de nazistas. Ivete Sangalo ao menos respeitou o público e não disse nada que pudesse comprometer sua passagem pelo evento. Pisou em ovos e fez um show honesto.

Mas nada foi tão triste quanto o aspecto de "Baile da Saudade" que teve o Rock In Rio 2011. Não sei se foi uma questão de foco. Acho que sim! Quero acreditar que os organizadores preferiram trazer a velharia do Rock. E sim! Eu achei legal Red Hot, Metallica e Stevie Wonder. Mas onde estão as bandas que fizeram o Indie Rock nos anos 2000. Coldplay???????????? Onde estão as bandas novas? Fala sério! Um festival de Rock que se diz "um dos maiores do mundo" não pode se dar ao luxo de não ter em sua lista bandas como The Strokes, Franz Ferdinand, Arctic Monkeys, Interpol, Kings Of Leon, The Kooks e The Gossip. Ora! Com o dinheiro do show da Iveta Cavala você pode colocar umas 3 bandas Indies de fama internacional.

O que seria melhor?

O Brasil não é o país do Rock e não vai ser aqui que o Rock vai aportar seu maior festival. Nós somos o país do carnaval! Isso é bem legal! Por isso o nosso carnaval é o maior do mundo e o americano é aquela brincadeirinha chamada Mardy Grass. Nós não temos tradição com Rock, temos pouquíssimas boas bandas de Rock e não temos produtores competentes o suficiente para fazer um festival de verdade. Temos apenas fãs que, como eu, se sentem peixes fora d´água até mesmo no maior festival do gênero no país.

roberto-medina-idealizador-do-rock-in-rio-recebe-a-chave-da-cidade-do-rock-do-prefeito-eduardo-paes-292011-1314996448341_615x300

É isso…

11 de out de 2010

Delírio Petista – Medo e Repressão

Hoje entrei numa discussão feia no Facebook com uma pessoa amiga que levanta a muito tempo a bandeira do PT. Normalmente tenho uma preguiça IMENSA em ficar discutindo com pessoas que tem esse tipo de pensamento. Mas esse é um caso especial. A pessoa é bem informada e inteligente. Não importa quem é. Mas trata-se de um cérebro promissor, bem mais evoluido que o meu (em termos acadêmicos). Por isso resolvi gastar alguns toques do meu teclado na esperança de ver a democracia aflorar na cabeça de um simpatizante do PT.

O que vem a seguir é estímulo, réplica, tréplica e etc passados no Facebook. E estou postando aqui por três razões. A primeira é prática. A rede de lacionamentos não suporta mais de 8.000 caracteres e eu não quis retirar nenhuma virgula da minha resposta. Cada letra e cada ponto é necessário. A segunda é que é um assunto relevante para a sociedade. E, por fim, a terceira se deve ao simples fato de este ser o blog de um comunicador que tem uma opinião formada (passível de mudanças) e nunca a escondeu de ninguém por não ter medo de ser calado. Por maior que seja a merda dita.

Peço a todos que leiam com um pouco de paciência pois estamos tratando de um modelo muito comum de pensamento político: a sistemática poliarização da política brasileira em direita e esquerda e o valor dado à democracia pela suposta “esquerda” e pela suposta “direita”.

Vamos lá.

-----------------------------------------------------------------------

Início:

Que alívio, ainda bem que existem pessoas lúcidas e politizadas nesse Brasil:
https://sites.google.com/site/manifestofilosofosprodilma/home

Comentário:

Que bom que a lucidez ainda reina na filosofia. Segundo o Lulla, só a imprensa não pode ser politizada. E com Dilma e Franklin Martins vai ser pior.

Resposta ao comentário:

Em primeiro lugar, leia o texto. O que vocês da comunicação defendem é uma ditadura da imprensa. O Lula, assim como qualquer cidadão, tem direito de resposta, tem direito a denunciar os absurdos que essa imprensa golpista, de direita vem pu...blicando, ou são só vocês que tem liberdade de expressão? O fato é que vários eventos tem comprovado que o discurso de vocês tem dois pesos e duas medidas. Maria Rita Kehl foi demitida do Estado de São Paulo dias depois de publicar um artigo onde ela analisava a questão da desqualificação do voto dos pobres, segunda ela mesma: "Fui demitida pelo jornal o Estado de S. Paulo pelo que consideraram um "delito" de opinião" . Heródoto, que participava do Roda Viva, foi demitido uma semana depois de colocar o Serra contra a parede ao questioná-lo sobre a privatização das estradas no estado de São Paulo. Tudo isso sem mencionar aquele estranho episódio que envolveu a Dra. Sandra Cureau, vice-procuradora-geral Eleitoral, e a revista Carta Capital. Através de um ofício, a revista foi requisitada a apresentar no prazo de 5 dias as cópias de todos os contratos publicitários que assinaram com o governo federal nos anos de 2009 e 2010. É claro que, para vocês jornalistas e "defensores" da liberdade, se a Carta Capital declara seu apoio à Dilma, é porque ela foi comprada, mas o Estado de SP pode declarar sem problemas seu apoio ao Serra. Dois pesos, duas medidas... Viva a liberdade de imprensa no Brasil!

Devo corrigir só uma coisa, é claro que ainda existem, felizmente, muitos jornalistas responsáveis e comprometidos com a informação e a transparência. Refiro-me no texto acima apenas àqueles que, de maneira leviana, acusam o governo Lula de cercear a liberdade de imprensa.

Resposta à resposta ao comentário:

Li o texto. Não tenho nada contra os filósofos gostarem de Chacrinha ou do Programa do Raul Gil. É a opinião deles. Assim como eu respeito a sua. Pode dizer o que você achar melhor.

O que eu estou dizendo é que o Lula é um presidente que vai ao Irã dar as mãos a um ditador assassino e, na volta passa na Venezuela ver jogo de basebol com Chavo Del oito. Depois vem dizer que a imprensa está MUITO politizada. Isso não te preocupa??? Ora! Não venha me dizer que Hugo Chaves, Marmud Armadinejad e Fidel Castro são parceiros comerciais! Se juntarmos a economia da Venezuela e de Cuba, não dá nem a região metropolitana de São Paulo. São encostos ideológicos que o Lula deixa entrar na nossa cultura.

Lula está LONGE de ser respeitado no mundo. Só acham bonito o fato de ele ter sido, em um dia beeeeeeeeeeem distante um operário. ELE não é respeitado entre os chefes de estado. Nem sequer é considerado. A propaganda frenética do PT diz que ele é... Você que está no estrangeiro só não enxerga isso se não quiser.

O Brasil sim é respeitado lá fora. E não seja tola de afirmar que isso se deve a ele! Isso é mérito do Brasil e não de um partido!

Outra coisa. Defender o PT usando as merdas que o PSDB já fez é a coisa mais óbvia que existe. É o que vocês, polarizadores de correntes políticas, sempre fazem: defender a esquerda batendo na direita, ou vice versa.

Só que vocês esquecem que PSDB e PT são de CENTRO-ESQUERDA.

Os dois são farinha do mesmo saco e, pro seu governo, eu os odeio. Quero que Dilma e Serra empatem pra que o assunto seja resolvido em um duelo de facas ou na banheira do Gugu. (isso é uma figuração fantasiosa da minha vontade, viu? não leve ao pé da letra!!!) Do jeito que foram as eleições do legislativo, é isso que o brasileiro tá merecendo mesmo. O congresso continua cheio de mensaleiros eleitos pelo povo. Povo este que tem TOTAIS condições de avaliar quem é honesto ou não. Não venha me dizer que as classes C e D são ignorantes a esse ponto. SABEM SIM muito bem onde estão enfiando os pés. A educação é ruim mas não é nula!

Sobre isso, aliás. Fique EXTREMAMENTE triste por ter sido rotulado POR VOCÊ de "direita". Vou desconsiderar essa... Já fui chamado de "filho da elite de direita" UM MILHÃO de vezes da boca de quem defende o PT. Mas não esperava isso de você. É um argumento tão fácil e pobre que merece só uma pergunta.

Você sabe o que é direita?

Sabe sim...

Pronto! Você está preparada para mudar seus conceitos sobre mim...

Se é para a Petrobrás continuar sendo estatal vou ser contra. Aí sim! Me chame de neo-liberal. Mas não é este conceito de torneiro mecânico que leu jornal de sindicato. Sou liberal pois acredito que o estado tem mais o que fazer. O petróleo não vai deixar de ser nosso pq tem uma empresa estrangeira concorrendo com a Petrobrás. O governo pode taxar o nosso petróleo da maneira que quiser. A ANP serve para isso. Por isso, a UNICA razão para a Petrobrás existir é a vasta plantação de empregos sem pé nem cabeça gerados para o desfrute desenfreado de companheiros do PT (e do PSDB quando este foi situação).

Uma informação: você sabe que Dilma Roussef é membro do conselho administrativo da Petrobrás e ganha 80 mil por mês para ir lá dar pitaco de 15 em 15 dias??? SEI EXATAMENTE QUEM ELA É! E ouvi de gente que lutou com ela (sim, não é só você que conhece gente que lutou contra a ditadura) todos os sequestros e atos terroristas que ela participou. O que é dúvida na minha cabeça é se ela já assassinou alguém em nome de seus ideais.

Lembre-se! Matar na guerra é compreensível. O período de ditadura no Brasil foi terrível, mas estava longe de ser comparado a uma GUERRA. Essas pessoas que "pegavam em armas" estavam fazendo a mesma coisa que os terroristas palestinos fazem. Atacar o inimigo pelas costas. TERRORISMO É COVARDE! Tão covarde quanto torturar alguém numa sala do DOPS. Tão covarde quanto destruir um bairro palestino inteiro com um míssil. Transformar terroristas em heróis é um erro. Não existe ideal NO MUNDO que justifique essa covardia!

Esse tipo de situação se resolve na conversa. Posteriormente no grito!

Well...

Minha posição política tem um só vetor: apontado na direção da honestidade e da liberdade. Sou o primeiro a fazer festa ao ver o pobre virar classe média. Só que, quando eu digo isso, por não ser socialista nem de "esquerda", sou chamado de hipócrita e demagogo. Citei Titãs por que eles, em "Comida", mostraram entender de política e sociedade BEM melhor do que QUASE TODOS esses acadêmicos viúvos do muro de Berlin. Esses são os verdadeiros HIPÓCRITAS. Cheios de manifestos classistas regados a Café com Letras (muito bem escritos por sinal) mas NENHUMA ação. Falar de uma sociedade teórica é tão fácil quanto escrever esse texto que você está lendo!

Os jornalistas, apesar de toda a canalhice de alguns, estão em contato direto com o povo informando e abrindo as feridas da sociedade. E tem de ter coragem pra isso viu? Muito mais coragem do que escrever em jornaleco de DCE ou sindicato. Tenho muito orgulho de ser comunicador e fazer parte da grande mídia.

E veja bem! Franklin Martins, futuro Ministro da Supressão da Verdade do governo Dilma, é um JORNALISTA! Ele é foda! Mas é um TOTAL FILHO DA PUTA! E está trabalhando para o PT!!! Quer, em nome dessa "leviandade", calar geral. Não existe essa de regulamentar o que a imprensa gera de conteúdo um poquinho!

Frank Martins diz:

"Vou te dar um chute no saco! Mas é só um pouquinho!"

Eu respondo:

"Ah, tá bom! Vem filho da puta... paga pra ver se não vai ter volta."

Você é formada em direito! "Calúnia e difamação" estão aí! Já vi uma penca de jornalista ser enquadrado nesse negócio só porque usou uma vírgula no lugar errado ou porque fez uma pergunta mais maldosa para um artista enjoado! E você vem me falar em "maneira leviana"??? "Maneira leviana" é como a Dilma e o Lulla encaram o conceito e a importância da democracia! Leviano é abrir a boca para dizer a expressão "ditadura da imprensa"! Eu sei o que os jornalistas passam. E você está subestimando a importância do papel deles na sociedade.

Millor (se não me engano) diz que o povo deve ser OBRIGADO a ser livre! E é o que eu quero: a ditadura da liberdade!

O Heródoto Barbeiro é um dos melhores jornalistas que já vi. Uma referência em termos de caráter e transparência. Se foi tirado do Roda Viva é mais um motivo para achar que o estado não deve intervir na imprensa, já que a Fundação Padre Anchieta recebe recursos do estado de São Paulo.

Quando um jornal privado é "calado" (agora estou falando do Estado de Minas) por um governador É PORQUE QUER. As demissões do EM aconteceram porque existe uma linha de edição que alguns jornalistas não queriam seguir. Orientação interna. Imagina a Veja falando bem do PT? Isso não existe! Jornalista petista no grupo Abril não dura nem 2 dias. Lá a linha é outra. Mas isso é uma opção do meio. É como se um arquiteto mandasse um pedreiro fazer uma parede em curva e esta saísse em ziguezague. A obra não é do pedreiro nem a redação é do jornalista.

O que o seu herói propõe ao chamar a imprensa de "politizada demais" é, definitivamente, um assalto à democracia. É o estado intervindo no nosso modo de pensar. Se você defende essa frase, de tabela, tá defendendo governos Chavistas e Fidelistas. Não é ele quem define isso. Muito menos UM SÓ meio de comunicação. A opinião é formada por vários pensamentos. Não é a Globo, nem a Folha de São Paulo que formatam a mente do povo. Esse é um pensamento pobre. Hoje temos várias maneiras de obter informação. Com a popularização da internet o povo sabe cada vez mais o que está acontecendo lá (e por isso eu digo que merece o congresso que tem) de cada vez mais meios.

Pra terminar, volto a dizer que respeito muito sua opinião. Você é uma das poucas pessoas com quem tive esse tipo de discussão que entende de política. E quero muito que você grite bem alto justamente porque ela é diferente da minha. E eu adoro ter essa sensação de estar num quebra-pau político. Isso se chama DEMOCRACIA ou conflito de posições.

É tão saudável quanto fazer uma caminhada, comer uma salada ou ouvir Beatles!

É isso…

 

31 de mai de 2010

Novo álbum do Arcade Fire em Agosto

Arcade Fire AFR

Depois de 3 anos de espera a banda montrealense Arcade Fire anuncia o lançamento do seu novo disco no dia 2 de agosto. O álbum deverá se chamar The Suburbs fazendo referência a infância dos irmãos Win e Will Butler (vocalista e instrumentista do AF) vivida no subúrbio de Houston.

Vale lembrar que esta temática é recorrente nos trabalhos dos canadenses. O álbum Funeral, de 2004, também faz várias menções à época em que os irmãos eram pequenos enfants.  

Para o lançamento do primeiro single, o Arcade Fire disponibilizou as duas músicas gratuitamente em seu site neste disco (abaixo). O legal é que passando o mouse (e clicando com o botão esquerdo) o disco gira ao gosto do freguês.  Tal e qual uma vitrola de verdade.



A. The Suburbs




AA. Month of May

É um artifício bem criativo que recicla a idéia (das bandas que querem ser parecer cool) mais que batida de lançar uma versão em LP.

É isso…

26 de mai de 2010

Clipe do Dia

Já falei deles aqui em janeiro. Mas é impossível não ser repetitivo com o Pearl Jam. Quem me dera ter 10% da força da voz desse cara…

É isso…

11 de mai de 2010

Carlos Dengler fora do Interpol

Interpol

Um dos baixistas mais estilosos da história do Rock deixa sua banda. Carlos Dengler, responsável pelo instrumento de cordas de som grave no Interpol, anunciou sua saída do quarteto novaiorquino na segunda-feira, segundo o site inglês NME.

O motivo da saída é o seu envolvimento com trilhas sonoras de filmes e outros projetos paralelos como TV e propaganda. Ou seja: tá cansado de rodar o mundo como astro do Rock.

Bom, o que importa é que Dengler além de ter sido um grande baixista pelo Interpol, sabia que se vestir dignamente é regra para um homem decente e, de quebra, tinha o bigode mais canastrão do Indie Rock. Veja:

carlosdengler2

carlosdengler3

carlosdengler5

Boa Carlão! Um dia vou ser assim!

É isso…

 

Clipe do Dia

Dirigido pelo gênio Michel Gondry.

É isso…

10 de mai de 2010

8 de mai de 2010

Quano o Oasis era o Arctic Monkeys

Vídeos em VHS com esse defeitinhos de imagem no Youtube sempre me lembram trabalhos toscos de faculdade de Comunicação. Aposto que esse aí saiu de algum trabalho mal feito de uma escola de publicidade de Manchester.

É isso...

5 de mai de 2010

Clipe do Dia

Legal até dizer chega…

É isso…

4 de mai de 2010

Clipe do Dia – Simpsons Feat. Kesha

Matt Groening é simplesmente o mago da ironia… FODA!

É isso…

30 de abr de 2010

O que o Google pensa sobre Luiz Lulla

Estava na minha tranquilo quando um colega de trabalho me chacoalha, como se tivesse feito a maior descoberta do mundo:

- Macaúbas! Procura no Google por “Mentiroso”!

- Quê?

- Olha o resultado.

Olha o resultado:

lulaliar

- Ah! Mas isso todo mundo sabe…

É isso…

Clipe do Dia

Hoje, voltando do almoço, estava meio triste e desanimado, exercitando os meus medos motivados por uma turbulência no meu trabalho. Entro no Youtube e vejo isto:

Sério. É o tipo de coisa que faz a vida valer a pena.

É isso…